Em que as mídias sociais interferem nos relacionamentos pessoais e interpessoais das pessoas atualmente?

aaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

Na minha opinião, as mídias sociais promovem “a solidão globalizada”. O indivíduo se isola no mundo virtual, mantem-se conectado com várias pessoas. Mas, na verdade, não tem contato com ninguém. O olho no olho está cada vez mais difícil. Creio que as mídias sociais sejam as grandes responsáveis pelo surgimento dessa nova conduta de “relacionamento interpessoal”. Além disso, a interatividade com o mundo virtual acaba influenciando, diretamente, nas relações pessoais. A invasão de privacidade e desconfiança são recorrentes. A internet demorou para chegar no Brasil. No entanto, quando apareceu por aqui, foi jogada à população. Não houve – e não há – políticas públicas para educar e conscientizar a sociedade da importância da internet, de modo geral, e como ela deveria ser usada. Uma ferramenta de comunicação que poderia ser utilizada de forma positiva. Mas, que – na maioria dos casos – propaga o universo fútil.
Rael Policarpo- repórter rede record via Facebook

Podcast:


Enviado por Jairo Roberto – Rádio Mania FM


Por Luana Felix

 

7 profissões que irão bombar no futuro.

Conheça tudo sobre as áreas de atuação, mercado de trabalho e a remuneração das profissões que são tendência para o futuro.

Gestão de ecorrelações

1

Áreas: Sustentabilidade: engenharia ambiental, ecologia e legislação ambiental.
O que é: O profissional se comunica com grupos de consumidores, órgãos governamentais e outras empresas a respeito da sustentabilidade, procurando usar todos os seus conhecimentos interdisciplinares para procurar gerir tudo de modo a reduzir os impactos ambientais o máximo possível.
Quanto ganha: Salário inicial superior os R$ 2 mil.



Gestor de resíduos

2

Áreas: Engenharia ambiental, engenharia química, biologia.
O que é: Profissão ligada à questão ambiental. O profissional busca atuar para minimizar o impacto da geração de resíduos e incentivar a reutilização e reciclagem. Os gestores, então, buscam garantir o melhor tratamento e disposição final para amenizar os impactos ambientais daqueles materiais.
Quanto ganha: O salário inicial fica em torno de R$ 1,8 mil, podendo chegar até R$ 8 mil.


Engenheiro civil

3

Áreas: Construção civil.
O que é: Os investimentos na infraestrutura devem continuar, o que torna os engenheiros civis profissionais de destaque também nos próximos 10 ou 15 anos. O engenheiro civil projeta, gerencia e executa obras como casas, prédios, pontes, viadutos, estradas e barragens. Ele acompanha todas as etapas de uma construção ou reforma.
Quanto ganha: Média salarial de R$ 5 mil a R$ 11 mil.


Engenheiro de petróleo e gás

4

Áreas: Extração de petróleo e gás, desenvolvimento de equipamentos, transporte e distribuição de petróleo e gás.
O que é: O engenheiro de petróleo e gás atua nas diferentes fases da cadeia produtiva do petróleo, do gás natural e do biocombustível. É ele quem planeja e coordena a execução das atividades relacionadas à pesquisa de novas jazidas e à produção de petróleo e gás natural, atuando na exploração, produção, transporte, refino, comercialização, distribuição e logística. Realiza estudos geológicos e avalia a viabilidade técnica e econômica da extração de combustíveis fósseis.
Quanto ganha: Salário inicial de R$ 4,3 mil.


 Especialista médico

5

Área: Medicina.
O que é: Haverá cada vez mais demanda por médicos, enfermeiros, terapeutas e farmacêuticos com o envelhecimento da população. O médico investiga a natureza e as causas das doenças humanas, procurando sua cura e prevenção. A saúde humana é o objeto de estudo do médico. Ele pesquisa, previne e trata disfunções e moléstias. Para isso, é imprescindível que ele esteja sempre bem informado e atualizado a respeito de novas drogas, técnicas e tecnologias. Faz diagnósticos, pede exames, prescreve medicamentos e realiza cirurgias.
Quanto ganha: Salário inicial de R$ 2,3 mil.


Especialista em Tecnologia da Comunicação

6

Áreas: Informática e Comunicação
O que é: O profissional é responsável pela implementação e pelo gerenciamento dos sistemas informatizados nas empresas. Ele avalia os sistemas de informação, segurança e banco de dados, implementa sistemas de automação no gerenciamento da informação e determina estratégias de utilização da informática para garantir o melhor desempenho de cada um dos setores da companhia.
Quanto ganha: Salário inicial de R$ 2,3 mil.


Animação em 3D

7

Áreas: Computação gráfica, design digital, design gráfico.
O que é: Quem trabalha com animação e modelagem 3D pode escolher entre diversos ramos para suas atividades profissionais. O cinema, a arquitetura, engenharia e design já descobriram os benefícios de utilizar animações em 3D nos seus projetos.
Quanto ganha: Salário inicial em torno de R$ 3 mil.


Por Luana Felix

Empresas apostam em animais de estimação no trabalho para alegrar o ambiente e melhorar o potencial criativo.

auau

Mascote da empresa Lumis!, Negra Ângela.

A Lumis! Comunicação criativa, de Niterói, apostou na Negra Ângela como funcionária. Acontece que a fofa Negra Ângela é uma bulldog francês e aos 4 anos  ela possui crachá, camisa da assessoria e até cartão de visitas.
A Negra Ângela pertence a diretora da empresa , Valéria Lopes, e  garante que a pet é um membro da equipe e todos os funcionários se dão bem e segundo ela, a presença do animal torna as atividades mais leves.
Valéria revela que os clientes não reclamam e que Negra Ângela já ajudou a conquistar novos clientes.  A bulldog faz sucesso até no instagram da empresa e na hora da foto, não economiza na fofura!!!
Outra empresa que apostou na competência do seu animal de estimação foi a Haus Engenho interiores, em São José – SC. Quem descontrai o ambiente é o animado Boo, um cão da raça Chow-Chow, que além de acompanhar o cotidiano da empresa atua como “porteiro e secretário”.
– Ter um pet aqui é uma maneira de aliviar o estresse – afirma Marcelo Wolschick, um dos sócios da Haus.
Você também costuma levar o animal de estimação para o trabalho ou conhece mais pessoas que adotaram a iniciativa? Tire uma foto e publique no Instagram ou nas demais redes sociais:
     Use  #petnotrabalho no Instagram em compartilhe suas fotos!


Por Juliana Willis

 

Me formei, e agora?


     Algumas dicas do que fazer após estar formado.

O fim da graduação é um momento muito esperado pela maioria dos universitários, e está incluso no mercado de trabalho é algo mais desejado ainda. Mas, nem sempre é assim que acontece… A cada dia cresce o número de formandos que mesmo com um diploma na mão, ainda não estão empregados, ou se sentem seguros o suficiente apara encarar esse grande universo de responsabilidades e procura.
Então, para evitar que o medo e a insegurança de não conseguir um espaço no mercado de trabalho, te domine, aqui vai algumas dicas do que fazer e não fazer para ter uma vida pós-graduação tranquila.

  1. Ter algo que te diferencie da maioria.

Para se destacar no mercado de trabalho é necessário conter mais do que apenas diplomas de ensino superior e médio no currículo, então faça cursos extras, que te capacite além do que os 4 ou 5 anos de estudos na faculdade.

  1. Iniciar uma pós-graduação logo de cara.

Muitas pessoas acham que fazer a pós-graduação logo após a conclusão de curso é algo indispensável. De certa forma sim, mas somente se você tiver certeza no que vai se especializar, correr para pós-graduação só porque o mercado está difícil não é a solução.

  1. Querer os melhores cargos logo de cara.

Não se iluda, a maioria dos grandes profissionais do mercado também começaram por baixo, então não rejeite oportunidades nenhuma mesmo que ao seus olhos ainda não se pareça com o que almejou e lembre-se, pequenas oportunidades e que surgem as grandes.

  1. Nunca deixar de ser persistente

Se você tem um sonho, ou um objetivo profissional, nunca desista dele, mesmo que a caminhada até o sucesso se torne um pouco cansativa, persistência é algo essencial tanto para alcançar seus sonhos, quanto para sua carreira profissional, afinal ninguém quer contratar alguém que desiste tão fácil no primeiro obstáculo.


Por Hellem Midian

 

Rei dos Sucos: A melhor lanchonete de Niterói

Sabor, qualidade e principalmente preço baixo é o que atrai diariamente centenas de pessoas a lanchonete Rei dos sucos que fica bem no coração da cidade de Niterói.

Se antes já era difícil comer bem pagando pouco, agora com a crise as pessoas tem procurado lugares com valores mais acessíveis seja na hora de comprar roupas, móveis, carros e principalmente comida. principalmente comida.

12305822_1040421332656588_1296860705_n

Lanches da lanchonete Rei do Suco.

Em vários pontos da cidade existem placas com ofertas de lanches entre R$ 5,00 e incríveis R$ 10,00 (Suco + Salgado), mas existe um lugar onde você pode comprar aquilo que gosta pelo surpreendente valor de R$ 3,00.
Conhecidos pela maioria dos universitários, os reis e rainhas do suco fazem sucesso com a famosa promoção que alegra até aquele que não tem fome. A lanchonete está localizada na rua Maestro Felício Toledo, 551, esquina com a avenida Ernâni do Amaral Peixoto.

Podcast:


Por Gustavo Luzório

 

Bullying no Brasil

*O Gráfico acima mostra os índices percentuais de sete capitais brasileiras com maior frequência de alunos que declararam ter sofrido de bullying alguma vez. Os entrevistados formam o grupo docente do 9º ano do ensino fundamental de escolas particulares e públicas, onde o cadastro foi constituído de 6.780 escolas. De acordo com o G1, em Brasília, quase 36% dos casos ocorreu em escolas particulares e 29,5% nas escolas estaduais.

Bullying: As sete capitais com maiores índices de bullying

O bullying, como é conhecido mundialmente, é a violência caracterizada por agressões verbais ou físicas, intencionais, aplicadas repetidamente contra uma pessoa ou um grupo.
Um em cada cinco jovens na faixa dos 13 aos 15 anos pratica bullying contra colegas no Brasil. O índice é da Pesquisa Nacional de Saúde Escolar (PeNSE) 2012, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Foram entrevistados 109.104 alunos do 9º ano do Ensino Fundamental (antiga 8ª série), de um universo de 3.153.314, grupo no qual 86% dos integrantes estão na faixa etária citada.


O que é bullying? 

Bullying envolve mais do que agressões físicas. Ele também pode envolver o seguinte:

  • Agressões verbais.Quando a vítima é insultada verbalmente pelo agressor.
  • Exclusão social.Onde a vítima muitas vezes é excluída de um determinado grupo de agressores.
  • Bullying Virtual bullying virtual inclui enviar fotos ou mensagens de texto comprometedoras usando um telefone celular, por exemplo. 

     

     


    Por Luana Felix

5 problemas causados pelo aquecimento global na agricultura

Com as altas temperaturas, diversas cadeias produtivas são afetadas

Com as secas dos últimos anos, ficou ainda mais claro que o aquecimento global é uma realidade. Diversos pesquisadores estudam os efeitos do fenômeno, inclusive no Brasil. Na Embrapa, quatro projetos sobre o tema estão em andamento, com um investimento de R$ 20 milhões por ano: fatores de emissão de CO2 por cultura, pecuária, floresta e uso da água.
Eduardo Assad, pesquisador do instituto, listou cinco problemas atuais que são causados pelo aquecimento global:

nooo


Por Luana Felix